DeLaval organiza o primeiro congresso internacional para discutir tendências dos sistemas de produção de leite robotizado a pasto

Durante os dias 20 a 23 de março de 2017, aconteceu a DeLaval Grassland Robotics Convention, o primeiro congresso internacional de ordenha robótica a pasto do mundo. O local escolhido para receber o evento foi a Tasmânia - uma ilha ao Sul da Austrália - na cidade de Launceston.

A Austrália foi o país escolhido para receber o congresso pelo fato da Oceania ter sido o primeiro continente a trabalhar com o VMS™, sistema de ordenha robotizada a pasto há, aproximadamente, 10 anos. Hoje, é o continente que depende essencialmente do pasto, uma vez que mais de 95% de seus projetos estão ligados à produção extensiva.

O evento teve como objetivo mostrar como os projetos a pasto estão evoluindo, as tendências para o futuro nessa área, bem como as dificuldades encontradas pelos produtores no dia a dia da fazenda e quais melhorias podem ser implementadas para que os benefícios sejam cada vez maiores.

Longevidade de vacas, gerenciamento da produção de leite no sistema robótico também foram assuntos tratados durante os três dias. Outro tema de grande relevância abordado foi como a robótica pode influenciar a vida das pessoas – da ordenha robotizada à criação de robôs para facilitar o dia a dia das pessoas que têm dificuldades visuais e locomotivas ao redor do mundo.

Dois projetos chilenos de produção de leite com ordenha robotizada foram apresentados no evento: o produtor Pablo Coquelet, proprietário da Coi Coi, fazenda robotizada a pasto que fica no sul do Chile, compartilhou a sua experiência e desafios. Além da Coi Coi, os resultados da fazenda Agrícola Ancali, a maior propriedade robotizada do mundo, que fica em Los Angeles, no Chile, também foram destacados.

Os participantes do congresso tiveram a oportunidade de visitar as três fazendas robotizadas mais famosas da Oceania e puderam assistir o funcionamento do AMR™, rotatória robotizada que tem capacidade para ordenhar 90 vacas por hora, e do VMS™que ordenha o rebanho automaticamente durante 24 horas por dia e 7 dias por semana.

Sistemas de produção de leite a pasto com ordenha robotizada já estão ganhando popularidade. Os piquetes (parcelas) são divididos preferencialmente em 3 diferentes áreas (1, 2, 3), que estão disponíveis para as vacas em diferentes períodos do dia. Também há uma área destinada a pista de alimentação que pode ser usada durante o ano quando a oferta de pasto é reduzida, além também de uma área de separação para tratamentos e manejo do rebanho. Os robôs DeLaval VMS™ são instalados idealmente em um local mediano da propriedade para que todas as vacas que possuem permissão de ordenha possam ser ordenhadas a qualquer momento, sendo por definição e também por prática um sistema voluntário de ordenha, onde os animais procuram ser ordenhadas para logo depois serem destinadas a um pasto novo com grande oferta de alimento.

Na América Latina, onde a produção de leite em sistemas extensivos é representativa, a procura por ordenha robotizada tem crescido significativamente, justificado pela grande demanda por soluções que ajudam a resolver a questão da mão de obra no campo.

Entre em contato com seu revendedor DeLaval

Para consultas gerais